SP2: Impacto da pandemia nas favelas



"As mães das favelas são as mais vulneráveis entre os mais vulneráveis. Elas chefiam 49% dos lares, 35% delas estão na informalidade e exatamente por isso são as pessoas que mais precisam de ajuda para conseguir proteger as suas famílias", afirma Renato Meirelles, presidente do Instituto Locomotiva.


Veja a matéria do SP2 que trata do assunto e ainda mostra iniciativas de solidariedade para ajudar as comunidades afetadas pelo coronavírus. Clique aqui.

Recentes
Arquivo

© 2016 Locomotiva

  • Facebook Social Icon
  • Instagram ícone social
  • LinkedIn Social Icon
  • Twitter ícone social
  • slideshare
  • YouTube ícone social