ESTADO DE MINAS: Na favela, quase todo mundo conhece alguém que teve COVID-19



Uma pesquisa realizada pelo Data Favela/Instituto Locomotiva, no mês de setembro, em 70 comunidades do país, revelou que 98% dos entrevistados conhecem alguém que já foi infectado pelo novo coronavírus. Quase ¾ afirmam ainda estarem muito preocupados com a própria saúde diante da pandemia.


"A gente já sabia que o vírus nunca foi democrático num país tão desigual como o nosso. Os pobres pegam mais COVID do que o resto dos brasileiros numa proporção dramática, como mostrou esse levantamento", diz Renato Meirelles, fundador do Data Favela e presidente do Instituto Locomotiva.


O estudo indica também que 13% dos entrevistados dizem ter sido contaminados e outros 28% não sabem se contraíram o vírus ou não. "Distanciamento social é ficção para famílias que dividem um cômodo e o mesmo banheiro. A favela é mais vulnerável", diz Celso Athayde, fundador da Central Única das Favelas (Cufa) e do Data Favela.


Clique aqui para ler o conteúdo no site.

Recentes
Arquivo

© 2016 Locomotiva

  • Facebook Social Icon
  • Instagram ícone social
  • LinkedIn Social Icon
  • Twitter ícone social
  • slideshare
  • YouTube ícone social